5 Dicas imperdíveis para Manter a Pele do Rosto Saudável

13 de setembro de 2016
5-dicas-para-manter-uma-pele-do-rosto-saudavel

5 Dicas imperdíveis para Manter a Pele do Rosto Saudável. Salve a sua pele!

Seu rosto é seu cartão de visitas. Se você trata o seu rosto com um pouco de carinho, como não dormir com maquiagem, sair sem protetor solar e espremer espinhas, isso já ajuda sua pele ser mais saudável. Só que, apesar da dedicação, pode ser que sua pele ainda não apresente a textura e a aparência que você deseja. A solução? Identifique maus hábitos inocentes cometidos ao longo do dia por quase todas as mortais e aprenda a reverter os danos causados até aqui. Alguns pequenos ajustes na sua rotina e na bancada de beleza não vão doer nadinha!

Segue algumas dicas de como manter a pele do rosto saudável:

Esquecer-se de passar o filtro solar em áreas importantes

Apesar de o número ainda ficar a desejar, as brasileiras que usam protetor solar diariamente já somam 43% da população – esperamos que você não faça parte dos outros 57%!

Além de causar manchas e envelhecimento precoce, deixar áreas desprotegidas aumenta o risco de câncer de pele. “Em geral, as mulheres se esquecem dos lábios, da região próxima às pálpebras, das orelhas, da raiz do couro cabeludo, do colo, do pescoço e da nuca”.

Dica prática: sempre aplique o protetor solar com o cabelo preso em um coque. Dessa forma, você consegue identificar todas as pequenas áreas que ficarão expostas. “O ideal é uma colher de chá de protetor para a testa, uma para cada lado da face e uma para a região central do queixo, o buço e o nariz”.

Você acha que é impossível seguir à risca? Então, ao menos escolha um FPS 40 ou mais, reaplique a cada duas horas e sempre que entrar na água ou suar e aposte em itens de maquiagem com filtro solar, que garantam uma defesa extra contra os raios UVA e UVB. Seu protetor facial também deve ir para pescoço, colo e até mãos.

Comprar produto anti-idade sem indicação médica

Os primeiros sinais do tempo deram as caras – ou você só está querendo evitá-los -, mas, antes de fazer sua estreia no mercado antirrugas, marque uma visita ao dermatologista. A maioria desses produtos contém derivados da vitamina A, conhecidos por quem quer uma pele mais jovem, luminosa, firme e livre de poros abertos – você já deve ter ouvido falar neles em forma de peeling (peeling de ácido retinoico) e de cremes, loções ou séruns com retinol na fórmula. Então, sugerimos que você receba o auxílio de um profissional para adquirir o produto mais ideal para a sua pele/idade.

Não saber seu tipo de pele atual

Em um país de clima tropical, como o Brasil, é comum que seu rosto brilhe além da conta em dias mais quentes ou que em determinadas áreas fiquem mais oleosas – como testa e nariz, onde se concentra a maior parte de glândulas sebáceas. Mas isso não quer dizer que você seja dona de uma pele oleosa ou que ela apresentará as mesmas características para sempre. “A pele muda, principalmente a da mulher, porque sofre influência da idade, dos hormônios (como na gravidez), do uso de cosméticos, da alimentação e da ingestão de água, entre outros fatores”. Apenas o dermatologista poderá definir se você está no time do tipo normal, seca, mista, oleosa ou sensível – logo, esqueça os palpites da amiga, da mãe ou do espelho do banheiro. “É preciso acompanhar as diferentes fases da pele ao longo dos anos para definir os melhores produtos, que geralmente são mais secos quando a mulher é jovem, balanceados na fase adulta e mais oleosos ao ficar mais velha”.

imagem-mostrando-os-tipos-de-pele

 

Aplicar o produto certo na hora errada

As informações sobre o “modo de usar” na embalagem dos cosméticos não estão ali à toa. Algumas fórmulas vão desempenhar um papel mais eficiente se usadas durante o dia – como é o caso dos produtos com ativos que combatem os radicais livres, os famosos antioxidantes. “Pela manhã, o melhor é apostar em composições com vitaminas C e E, coenzima Q10 e resveratrol, que podem estar presentes no sabonete, tônico e no hidratante facial”, indica a dermatologista Claudia Marçal, de Campinas (SP). À noite – momento em que os ingredientes são mais bem absorvidos -, lance mão de opções mais potentes para o combate a envelhecimento, manchas e acne. “É o caso do ácido retinoico, do ácido glicólico e da hidroquinona, que não devem ser expostos à luz solar ou à luminosidade excessiva, sob risco de queimaduras, irritações e manchas”.

 

Combater a oleosidade com todas as suas forças

mulher-com-raiva-da-pele

Por mais que a adolescência tenha deixado más lembranças – não era fácil contabilizar uma espinha nova no rosto a cada dia -, você precisa entender que, a essa altura da sua vida, a guerra contra a oleosidade requer táticas bem diferentes daquelas do passado (quando cutucar o potinho amarelo parecia a melhor solução). “Jamais esprema a lesão. Isso pode levar a uma infecção séria”.

O ideal é lavar o rosto com um produto à base de enxofre, ácido salicílico ou glicólico apenas duas vezes por dia (manhã e noite). O excesso de sabonete tende a causar um efeito rebote e estimular ainda mais as glândulas sebáceas. Se a pele brilhar durante o expediente, um lencinho absorvente e uma camada de pó mineral ou translúcido.

Produtos como hidratante (sim, ele é importante para fortalecer a barreira cutânea), esfoliante e protetor solar precisam ter uma fórmula desenvolvida para peles oleosa. “À noite, aplique um creme à base de ácidos ou um antibiótico tópico”.

 

Banner-Produto-Vitamina-C-20%-Hidro-Ativada-40g

Você pode gostar também

Sem comentários

Deixe uma resposta