Óleos essenciais e seus benefícios

19 de setembro de 2017
Óleos essenciais e seus benefícios

Saiba o que são óleos essenciais e seus benefícios.

Os óleos essenciais são  princípios ativos naturais provenientes das plantas medicinais e aromáticas. São encontrados nas flores, ervas, frutas e especiarias, e usados na culinária e por indústrias na produção de alimentos, bebidas, cosméticos e medicamentos fitoterápicos, para diversas finalidades, desde alívios de sintomas de doenças como para produtos de beleza.

Benefícios biológicos e psicológicos

Os óleos essenciais são altamente concentrados e potentes e suas características terapêuticas têm eficácia comprovada. Entre seus benefícios biológicos estão o fortalecimento das defesas naturais do corpo e o equilíbrio do sistema endócrino e psicologicamente, auxiliam na harmonização dos hemisférios cerebrais, permitindo um relaxamento profundo e mais facilidade no processo de autorregulação.

Enorme variedade

Existe uma grande quantidade de plantas que produzem óleos essenciais, acredita-se que cerca de 30 mil, e cada óleo essencial recebe o nome de sua planta de origem. Desta forma, existem, por exemplo, óleo essencial de lavanda, óleo essencial de alecrim e diversos outros.

Óleo essencial ou essência?

Também é importante saber que há diferença entre óleo essencial e essência.

Óleo essencial: são as substâncias 100% naturais,  extraídas de plantas, flores, frutos, resinas, cascas ou goma.

Essência: quando essas substâncias são produzidas em laboratório,o que as torna um produto artificial. As essências não possuem os princípios ativos dos óleos, só perfumam o ambiente, não oferecendo nenhum outro benefício terapêutico.


Como usar  óleos essenciais?

Os óleos essenciais podem ser usados tanto via olfativa quanto cutânea,  em qualquer parte do corpo, menos nos olhos.

Via olfativa

Por via olfativa podem  ser usados em difusores. Ao serem inalados, enviam uma mensagem ao sistema límbico – a parte do sistema nervoso responsável pelo emocional – ativando o metabolismo, transformando positivamente os sentimentos e regulando as funções orgânicas do corpo.

Via cutânea

Quando usado via cutânea, os óleos essenciais nunca devem ser aplicados puros na pele, e sim sempre diluído em um óleo vegetal, creme, shampoo e etc. Sua penetração na pele, possibilita a passagem para a corrente sanguínea através dos poros, das glândulas sudoríparas e dos folículos pilosos.

Confira um exemplo de óleo essencial e como pode ser usado:

Óleo essencial de lavanda

É considerado o melhor óleo antiestresse, pois a lavanda acalma e tranquiliza. É excelente para aliviar insônia, tensão, cansaço ou depressão, equilibrando o corpo, fisicamente, mentalmente e emocionalmente. Também é indicado para problemas de pele e odores. É um dos únicos que podem ser usados diretamente na pele como cicatrizante e regenerador de tecidos em caso de queimaduras, cortes e acne. Diminui cicatrizes e é ótimo para picadas de insetos.

Dicas de uso

Para aliviar tensão nervosa: 10 gotas no difusor, ou aplique umas gotas direto sobre as têmporas.

Para insônia: 4 gotas de óleo essencial de lavanda no travesseiro. Ou coloque umas gotas no pulso e esfregue. Respire profundamente.

Queimaduras solares ou irritações na pele: 10 gotas de óleo essencial de lavanda em 10 ml de água gelada, e borrifar no local. O alívio é imediato. A água gelada pode ser substituída por óleo de amêndoas.

Para assaduras de bebê: 4 gotas de para 10 ml de óleo de coco (aplique a cada troca de fraldas)

Dor de cabeça de origem nervosa: Coloque 2 gotas em cada têmpora e massageie.

Cólicas menstruais e TPM: Utilize 10 gotas de óleo essencial de lavanda em meio litro de água quente, usando uma compressa sobre a barriga por 15 minutos. Ou misturar 9 gotas em 2 colheres de chá ou 10 ml de óleo de amêndoas doces (ou de semente de uva) e massagear a pelve.

Irritação na garganta: Faça uma inalação do vapor de lavanda (200 ml de água fervendo + 5 gotas de óleo essencial de lavanda). Alivia a irritação na garganta e, junto com o óleo essencial de eucalipto (+5 gotas), é muito eficaz para acalmar a tosse.

Dores musculares: 10 gotas de óleo de lavanda para cada 10 ml de óleo vegetal. Se a dor muscular for muito intensa pode-se acrescentar gotas de outros óleos como alecrim, copaíba e tea tree.

Para acne: Pingue 2 gotas no cotonete e passe diretamente na acne e espinhas. Repita o processo 2 vezes ao dia.

Para peles secas e irritadas: Coloque nas mãos a quantidade de hidratante que for usar na pele, pingue 2 gotas do óleo essencial de lavanda, misture e passe na pele.

Queda de cabelo: Separe 5 ml de um óleo vegetal de sua preferência e acrescente 5 gotas de óleo essencial de lavanda. Misture bem e passe no couro cabeludo massageando-o. Deixe agir por 30 minutos e lave os cabelos normalmente.

 

Nas próximas publicações daremos mais dicas sobre óleos essenciais e seus benefícios!

Banner-Produto-oleos-essenciais

Você pode gostar também

Sem comentários

Deixe uma resposta